quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Captain Commando

Gênero: Ação
Ano: 1991
Fabricante: Capcom

História
É ano de 2026, o mundo é tomado pelo crime Captain Commando e seus 3 companheiros (Mack the Knife/Jennety, Baby Head/Hoover e Ginzu/Sho) se levantam para apagar o crime da Terra e da própria galaxia, O unico porêm é: os criminosos futuristicos são melhorados genéticamente e possuem poderes que um humano mortal nunca teria, e o responsavel por isso é Scumocide/Genocide.

Jogabilidade
O jogador pode escolher entre um dos 4 Commandos, onde se aventuram por vários estágios até chegarem ao planeta Callisto (não é Calypso não povo!). Nesse jogo é possivel um Co-Op de 4 pessoas, onde foi inovador o sistema de Dash + Ataques, e variações apertando para frente ou para traz, você pode usar de armas brancas, a armas de fogos e robôs pra descer o pau naquele gordinho que tá de dando o cacete.
NOTA: (Pela inovação dos comandos, e pelo co-op de 4 pessoas,e a grande variedade de pick-ups...) 

Audio
Para um jogo de época, as musicas eram bem legais, pelo menos te incitavam a dar mais porrada, que é o ponto do jogo.

Fases
Nesse quesito esse jogo perde feio de Ghouls n' Ghosts pq esse jogo tem muitas fases,porêm curtas, tem na casa de umas 12 fases pra mais.

Gráficos
São expecionais, cada efeito dos poderes dos hérois, os chefes, os estágios, esse jogo dá um show!

Conclusão
Um dos melhores pancadarias que tem, muitos dizem que é um Streets of Rage III com Ninja e Robôs aliás, o criador de Final Fight trablhou nesse jogo... Must-play para os mais viciados em side scroll!

Créditos Review: DevilboyBR

Download (rom em português): Clique Aqui!

3 comentários:

  1. Eu me amarro no arcade de Captain Commando, joguei muito na época, era maravilhoso antes de ir pro colégio, jogar uma ficha. Mas confesso que a versão de SNes deixou um pouco a desejar, pelos cortes de animações e pela ausência dos robôs de ação, pela fraca colisão de golpes. No mais é jogável.
    Super Nintendo para Sempre!

    ResponderExcluir
  2. O arcade deu um show, e a versão para o Playstation 1 também. A vantagem deste game para o Snes era que como ainda não tínhamos condições de comprar um Ps1, nos divertíamos com a versão do Snes mesmo. Dentro das limitações do Snes, o game ficou muito bom.

    ResponderExcluir
  3. Esse é show! Parabéns pelo review!

    ResponderExcluir

Lembrando que as suas visitas e agradecimentos são o nosso incentivo, ajude-nos a divulgar o blog... A sua ajuda é muito importante para nós!! E não se esqueça de add nosso blog aos seus favoritos!