domingo, 7 de março de 2010

X-Kaliber 2097

Gênero: Ação
Ano: 1994
Fabricante: Activision
História 
O ano é 2097, a cidade de Nova Iorque agora é conhecida como Neo Nova Iorque. Não existem mais trabalhos, parques e nem lugares de entretenimento. As pessoas vivem oprimidas pelo exército de mutantes e robôs que fazem as leis serem cumpridas. O tirano de Neo Nova Iorque que recebe o titulo de “Senhor da Guerra” se chama Riptor. Riptor tem a sua disposição muitos cientistas que constroem seus robôs e criam suas criaturas.

Há somente duas pessoas que possuem coragem de combater Riptor, uma mulher chamada Alix e um homem chamado Slash. Riptor não teme a nada, é certo a Slash, pois este possui uma poderosa arma chamada X-Kaliber, a lâmina desta espada corta qualquer coisa. Com a X-Kaliber, Slash combate o exército de Riptor para livrar a cidade de sua tirania.

Para distrair Slash de sua missão de combater os exércitos de Neo Nova Iorque, Riptor seqüestra Alix. Agora Slash vai atrás da garota para salvá-la das garras de Riptor. Mal sabe Slash que pode estar sendo atraído para uma armadilha.

Usando a X-Kaliber 
X-Kaliber 2097 faz o jogador se aventurar numa cidade apocalíptica infestada de robôs e mutantes com diferentes poderes. Na maioria dos games do estilo ficção científica o herói conta com armas como pistolas a laser, canhões e metralhadoras, mas em X-Kaliber Slash vai estar armado de uma simples espada, sendo esta sua única arma é bom aprender a usá-la com todo o seu potencial, coisa que é muito simples.

Slash pode dar quatro diferentes tipos de golpe com a espada, o primeiro golpe é dado ao pressionar o botão Y do controle. Slash dará um corte horizontal, é o golpe mais rápido, mas também o mais fraco. Apertando o botão A Slash fará uma estocada com a espada, esse golpe causa danos mais respeitosos em inimigos e se você pular e pressionar A Slash vai dar um corte vertical, logo após o corte Slash ficara imóvel por pelo menos dois segundos, dois segundos que podem ser o suficiente para fazê-lo perder sangue de algum inimigo que tente atacar por trás. O ultimo golpe é dado ao pressionar o botão L ou R, Slash lançara um feixe de luz da espada que tira uma ótima quantidade de energia do inimigo, mas enquanto o feixe de luz estiver na tela Slash não pode se mover por pelo menos 3 a 4 segundos, como no segundo ataque, Slash fica totalmente vulnerável.

Além de usar a espada para atacar, Slash também a usa para se defender. A defesa pode ser muito útil, principalmente contra os chefes.

Gráficos 
Estão muito bons. Como já dito acima o jogo é do tipo apocalíptico, os cenários estão ótimos e com detalhes muito legais. As ruas são totalmente destruídas, as paredes trazem rachaduras e pichações e o céu é carregado de nuvens negras, o realismo dos cenários esta ótimo.

Alguns personagens ficaram bem desenhados, Slash tem roupas bem legais e seu desenho esta com ótimos detalhes. Por outro lado, alguns chefes poderiam ter sido mais bem desenhados, Riptor, por exemplo, nem mesmo tem a aparência respeitável que um vilão de games deve ter, nem tudo é perfeito.

Efeitos e trilha sonora 
Os efeitos sonoros são bem fracos, o grito que Slash dá quando é atingido por um inimigo é muito mal feito, o som do feixe de luz saindo da espada não combina nenhum pouco. Já outros efeitos conseguem ser do mínimo interessantes.

A trilha sonora é muito legal, as músicas são do estilo Techno apocalíptica que passa a emoção exata do game, a música primeira fase me lembra bastante o tema criado para a versão cinematográfica de Mortal Kombat, a semelhança das músicas é incrível. A trilha é muito boa e grudenta, embora alguns games do Super Nintendo apresentassem uma qualidade sonora mais satisfatória em 1994.

Controles e dificuldade 
Respondem sem nenhum atraso, mas o que os mata de verdade é o uso da técnica mais poderosa da espada, ao usá-la contra um chefe é quase certo que você será atingido, pois não terá controle nenhum sobre Slash. Para mim esse é o único ponto positivo dos controles do game.

X-Kaliber oferece nada menos que oito níveis de dificuldade para que o jogador o escolha conforme a sua capacidade.

As fases não são tão difíceis, já os chefes podem ser um pouco trabalhosos, cada um deles tem suas habilidades próprias e o jogador terá de descobrir a melhor forma de vencer cada um deles, os controles às vezes tornam o combate com um chefe ainda mais difícil. As fases também apresentam muitos mini-chefes, alguns podem dar muita dor de cabeça.

Conclusão 
X-Kaliber 2097 é um game bem simples, mas ao mesmo tempo bem interessante, as fases apresentam cenários bem diversificados, inimigos com diferentes tipos de ataque, chefes respeitáveis e uma diversão bem razoável.

A história é muito bem construída e mesmo com efeitos sonoros ruins o jogo proporcionara um bom divertimento. Conheci este jogo por acaso na locadora e não me arrependi, já o terminei várias vezes, mesmo hoje não tendo muita paciência para jogá-lo.

O sistema multiplayer de X-Kaliber também foi muito bem feito. Os jogadores poderiam escolher Slash e qualquer um dos chefes principais para se enfrentarem em combates no melhor estilo Street Fighter. Essa modalidade aumenta ainda mais a diversão que X-Kaliber 2097 pode proporcionar.


Créditos Review: Lipe_Vasconcelos

Download: Clique Aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Lembrando que as suas visitas e agradecimentos são o nosso incentivo, ajude-nos a divulgar o blog... A sua ajuda é muito importante para nós!! E não se esqueça de add nosso blog aos seus favoritos!