sábado, 30 de julho de 2011

Tiny Toon Adventures: Buster Busts Loose

http://i236.photobucket.com/albums/ff289/diegoshark/blogsnes/TinyToonsAdventures-BusterBustsLoose0000.png
Gênero: Aventura
Ano: 1993
Fabricante: Konami
http://i236.photobucket.com/albums/ff289/diegoshark/blogsnes/TinyToonsAdventures-BusterBustsLoose0001.pnghttp://i236.photobucket.com/albums/ff289/diegoshark/blogsnes/TinyToonsAdventures-BusterBustsLoose0002.png

Tiny Toon traz ao Super Nintendo toda a maluquice dos pequenos Looney Tunes e seus episódios na TV em seis estágios. O jogador controla Buster, o Perninha, protagonista da série. O pequeno coelho vive a rotina de um personagem de cartoon, candidato ao estrelato. Precisa atravessar diversos cenários, baseados em temas apresentados na televisão. Precisa percorrer as classes loucas da ACME Looniversity, passear pelo velho-oeste e destruir uma locomotiva desgovernada, enfrentar uma mansão assombrada, viver uma aventura StarWars, etc. Cada fase possui um objetivo e é como se fosse um episódio isolado.

O título possui a jogabilidade básica de um jogo de plataforma, sem muitas surpresas. A exceção é o estágio em que precisamos jogar futebol americano! O time depende da agilidade e velocidade de Perninha para conquistar a vitória, nessa fase muito bem-vinda, que diversifica a jogabilidade. Ao terminar essa fase, fica uma vontade de rejogá-la, tão simples e divertida que é, embora isso não indique que seja tão fácil.

O jogo apresenta cores vibrantes, como o cartoon. Cada nível é detalhado com capricho, e a mesma fase apresenta, muitas vezes, cenários e obstáculos bem distintos e criativos. Em alguns momentos aparecem tarjetas com “jump”. Obedeça-as sem pensar. Em alguns momentos um segundo de hesitação é uma vida que vai pro balaio. Correndo Perninha pode escalar paredes e alcançar plataformas altas e itens escondidos.

O controle funciona perfeitamente, embora pareça estranho nos primeiros momentos do jogo. Um botão para saltar, outro para chutar (com uma pirueta) e L ou R para correr. Durante a corrida a barra se esvazia e Perninha precisa aguardar alguns segundos. Nos estágios em que são necessários muitos momentos seguidos de corrida, há o item de encher a barra que permite que o personagem continue correndo.

Os sons não chamam atenção, são discretos e (bem) produzidos para apenas cumprir seu papel. São apropriados para cada estágio e contam com a habilidade do SNES de produzir músicas de qualidade.

Na mão da Konami, tal matéria-prima só poderia resultar em coisa boa.Tiny Toon Adventures não é um clássico, longe disso, é apenas um plataforma simpático, contudo ainda proporciona muita diversão e bons momentos de entretenimento.




Créditos Review: Edinei Lopes

Download: Clique Aqui!

2 comentários:

  1. Jogo identico ao que joguei recetemente Bonkers que é da disney

    ResponderExcluir
  2. muito foda esse jogo *--------------*

    ResponderExcluir

Lembrando que as suas visitas e agradecimentos são o nosso incentivo, ajude-nos a divulgar o blog... A sua ajuda é muito importante para nós!! E não se esqueça de add nosso blog aos seus favoritos!